Perguntas e Respostas

  • O que é Exumação?

    É a retirada dos restos mortais de dentro do jazigo (sepultura), acondicionando-os em uma urna específica, possibilitando a reutilização do jazigo.

  • O que é Inumação?

    É o mesmo que sepultar (enterrar).

  • O que é Jazigo?

    Construção existente nos cemitérios, executada tanto com placas pré-moldadas quanto em alvenaria de bloco ou tijolo, onde são sepultados os corpos .

    Este espaço físico é composto normalmente de 02 gavetas (compartimentos) abaixo do nível do solo, com capacidade para 01 urna em cada gaveta.

  • O que é Sepultamento?

    O sepultamento também conhecido em nosso meio como enterro, consiste no ato de colocar a urna da pessoa falecida em um jazigo (sepultura).

  • O que é Sepultura?

    Local onde são enterradas as pessoas falecidas diretamente no solo.

     

  • O que é um Cemitério Parque e qual a diferença dos tradicionais?

    Os Cemitérios Parques inovaram o conceito de preservação da memória dos que partiram.

    Esse tipo de Cemitério apresenta um conjunto paisagístico harmonioso, onde predominam a natureza, beleza, serenidade e respeito, tornando-se propício para os momentos de evocação e reflexão, se diferenciando também por não permitir qualquer tipo de construção acima da superfície.

    Já os Cemitérios Tradicionais têm sua história intimamente ligada à igreja. Tem como característica construções em forma de mausoléus ou capelas, muitas das quais são uma verdadeira obra de arte.

  • O que é um Ossuário?

    Ossuários ou ossários são locais destinados a guardar os restos mortais (ossos) exumados de um jazigo.

  • O que é um Velório?

    Velório é uma cerimônia em que a urna com o corpo da pessoa falecida é colocada em exposição para permitir que familiares, amigos e outras pessoas interessadas possam honrar a memória do ente querido antes da cremação ou do sepultamento.

    Sua duração é variada e determinada pela família, podendo ser de poucas horas a mais de um dia.

  • O que é uma Certidão de Óbito?

    Certidão de óbito é o documento expedido pelo Cartório de Registro Civil após o preenchimento da declaração de óbito.

    Este documento será definitivo da família, e nele deverá constar todos os dados pessoais da pessoa falecida conforme a seguir:

    • Horário do falecimento -se possível-, dia, mês e ano;
    • Local do falecimento, com indicação precisa;
    • O prenome, nome, sexo, idade, cor, estado, profissão, naturalidade, domicílio e residência da pessoa falecida;
    • Se era casado, o nome do cônjuge sobrevivente, mesmo quando desquitado; e se viúvo, o nome do cônjuge falecido; e o cartório de casamento em ambos os casos;
    • Os nomes, prenomes, profissão, naturalidade e residência dos pais;
    • Se faleceu com testamento conhecido;
    • Se deixou filhos, nome e idade de cada um;
    • Se a morte foi natural ou violenta e a causa conhecida, com o nome dos atestantes ( os médicos);
    • Local do sepultamento ou cremação;
    • Se deixou bens e herdeiros menores ou interditos;
    • Se era eleitor.

    Para obtenção deste documento é necessário que um parente da pessoa falecida (pai, mãe, esposa(o), filhos, netos, irmãos) leve até o cartório responsável pela baixa os seguintes documentos:

    Documentos do Falecido(a):

    1. Declaração Óbito Original (sem rasuras e ou com preenchimento errado)
    2. Original da Carteira de Identidade ou Carteira de Motorista ou Carteira de Trabalho da pessoa falecida (não serve xerox autenticado)
    3. CPF
    4. Titulo de Eleitor (ser for eleitor)
    5. Numero de beneficio do INSS (se for aposentado)
    6. Certidão de casamento ou de óbito do cônjuge (no caso de separado ou divorciado, apresentar Certidão com Averbação) original ou cópia.
    7. Nome de todos os filhos com as suas idades.
    8. Declaração ou Atestado Médico quando algum filho da pessoa falecida for tido como INTERDITO.

    Obs.: O declarante ( pai, mãe, esposa(o), filhos, netos, irmãos), responsável pela baixa, deverá apresentar documento de identidade ou outro documento oficial com foto.

  • O que é uma Declaração de Óbito?

    Declaração de óbito  não é o mesmo que Certidão de óbito.

    A Declaraçãoo é o documento regulamentado pelo Ministério da Saúde, onde o médico atesta a causa mortis de uma pessoa. O fornecimento deste formulário é único e exclusivo de Hospitais, IML ou estabelecimentos de Saúde regulamentados e fiscalizados pelo Ministério da Saúde.

    As Funerárias tem acesso a este documento legalmente.

  • O que é uma Guia de Sepultamento?

    Este documento é fornecido, pelo o cartório quando da emissão da Certidão de Óbito.

    A Guia de Sepultamento é única e exclusivamente para ser entregue no cemitério e nela deverá constar se a pessoa falecida será sepultada ou cremada.

    Sem este documento o cemitério não pode realizar o sepultamento ou a cremação.

  • O que fazer em caso de falecimento em casa?

    A família deve entrar em contato imediatamente com o médico que fazia o atendimento ao falecido, para solicitar a declaração de Óbito.

    Se o falecido não estava tendo acompanhamento médico será necessário que a família comunique à Delegacia de Polícia para que o corpo seja removido para o Instituto Médico Legal e seja liberado por um médico legista que irá atestar a causa do óbito.

  • O que fazer em caso de falecimento por acidente ou homicídio?

    O corpo será encaminhado para o Instituto Médico Legal por providências das autoridades competentes, e será liberado por um médico legista.

  • Qual o tempo para executar uma Exumação?

    As exumações obedecem o prazo mínimo de 5 (cinco) anos para adultos e de 3 (três) anos para menores de 12 (doze) anos, estipulados por Lei.